Resenha - Jogos Vorazes, Suzanne Collins

Por Talita Helen

Resenha
Jogos Vorazes

Katniss escuta os tiros de canhão enquanto raspa o sangue do garoto do distrito 9. Na abertura dos Jogos Vorazes, a organização não recolhe os corpos dos combatentes caídos e dá tiros de canhão até o final. Cada tiro, um morto. Onze tiros no primeiro dia. Treze jovens restaram, entre eles, Katniss. Para quem os tiros de canhão serão no dia seguinte?...
Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte!
Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?


  Amanhã 23/03/2012 estréia um dos filmes mais esperados do ano, a adaptação cinematográfica do livro Jogos Vorazes, então eu não podia deixar de dar minha opinião sobre o livro certo? Então, sem delongas, vamos ao que interessa.

   A América do norte não existe mais, em seu ligar, há um país chamado Panem, onde existem 12 distritos, cada um representa algo, como tecido, pesca, minério, entre outros. Além da Capital. É no distrito 12, o distrito do minério e do carvão, que vive Katniss. Uma garota forte, esperta e um pouco dura, afinal seu pai morreu quando a garota ainda era jovem, a mãe entrou em depressão e Katniss foi obrigada a aprender a se virar para não deixar que a irmã Prim morresse de fome. As coisas no distrito 12 são dura demais, a vida bem difícil.

  Todo ano, a Capital, realiza os Jogos Vorazes, uma espécie de reality show, onde um jovem de cada sexo, de cada distrito entre 12 e 18 anos são escolhidos para se enfrentarem na Arena, um lugar cruel, onde eles lutam pela sobrevivência, lutam até a morte. O ganhador, não só continua vivo, como ganha uma pequena fortuna.

  Bem, primeiro, vamos esclarecer uma coisa, não é um livro sobre romance, não espere ver aqui juras de amor eterna e romance água com açúcar, ok! O livro é sobre sobrevivência, sobre lutar por justiça e liberdade.
Ao ver Prim ser escolhida para participar dos Jogos Vorazes, Katniss entra em pânico e se voluntaría como tributo, além dela Peeta Mellark, o filho do padeiro também é escolhido. Há algum tempo atrás Peeta salvou a vida de Katniss e sua família, ao lhe dar alguns pães queimados da padaria do pai, agora ele e Katniss terão de se enfrentar na Arena, afinal, somente uma pessoa pode sair viva...

  Para não soltar mais spoilers, vou parar a descrição da história por aqui, mas tenho que dizer, o livro é excelente, se você não leu, leia! (isso é uma ordem hehehe) Por que sinceramente, você está perdendo, e muito!

  O mundo criado por Suzanne Collins é o eu o pessoal chama de distopia (saiba o que é isso aqui) sua escrita é empolgante, e quanto à trama, você não consegue parar de ler até que o livro tenha terminado. Para terem uma idéia, li os três livros (Jogos Vorazes, Em Chamas e A Esperança) em mais ou menos uma semana e meia, impossível de largar.

  Como disse ali em cima, não espero por muito romance, mas é claro que alguma coisa há. Além de tudo que Katniss tem de passar na Arena ela ainda se vê dividida entre Peeta e Gale (seu melhor amigo), mas ops.....já estou falando demais e quase resenhando Em Chamas junto SAHUASHUAHSAH.

  Enfim, o livro é cheio de personagens marcantes e vale muito a pena ler! E... Que a sorte esteja sempre a seu favor!

Título Original: Hunger Games
Autora: Suzanne Collins
Editora: Rocco








Virginiana. Bookaholic. Grifinoria. Narniana. Esmaltólotra. Chocólotra. Desastrada. Teimosa. Preguiçosa. Futura Arquivista. Sonhadora. Irônica da língua bem afiada. Em sua cabeça cria as mais inusitadas história e situações.  Twitter| Facebook| Skoob

4 comentários:

Vanessa Vieira disse...

Parabéns pela resenha Taly! Muito em breve pretendo ler Jogos Vorazes. Beijos!

NATY disse...

Adoreei a sua resenha! Eu AMO Jogos Vorazes, realmente é impossível parar de ler os livros, também li todos bem rapido e depois de A Esperança fiqei com depressão pós-leitura u.u

Gostei de ter enfatizado o fato de que não é romance, já que tem gente que vai ler o livro esperando extamente por isso... Mas o Peeta é tudo, né? <3 rs'

Vou esperar pela resenha dos outros livros qui no blog :D

Bj;*
Naty.

Rachel Lima disse...

UHUL! Jogos Vorazes é lindo, nossa, eu também amei. E é bem viciante, né? Foi bom você atentar para que não é um romancinho água com açúcar, mas que vale a pena ler. <3 Mal posso esperar para ler os outros, eu não li ainda!!!! Tu leu muito rápido, uh uh *o*

Beijones

Rachel Lima
http://corujando.org

Caue1507 disse...

assisti ao filme esses dias e gostei bastante! *-* ao contrario do livro que eu desisti na pagina 30 D: não aguentei a narrativa da katniss, mas no filme tah bem melhor!! *-*

--
hangover at 16

 
Design geral de: Rachel Lima | C�digos de Giovana Joris
|