Desafio Literário 2011 {A Fantástica Fábrica de Chocolate

Por Rachel Lima
Veja a minha lista de livros
do desafio aqui
Como vocês já sabem - ou não - eu estou inscrita no Desafio Literário 2011, e minha escolha foi de dois livros por mês. O primeiro tema - janeiro - é literatura infanto-juvenil e eis que posto a minha resenha do livro ''A Fantástica Fábrica de Chocolate'', de Roald Dahl. Quem aqui não conhece o Willy Wonka? (chocolate bom demais!)

Charlie Bucket é um garoto muito pobre que mora numa casinha de madeira numa cidade muito grande, com os seus pais e quatro avós. 

A casinha é obviamente muito apertada para todos eles, mas eles davam o seu jeito. O Sr. Bucket - pai de Charlie - era o único empregado dali, que sustentava a casa. Ele trabalhava numa fábrica de pasta de dente, colocando a tampinha nos tubos que já estavam cheios, mas, mesmo com um emprego, ele não tinha o suficiente para conseguir comprar comida direito para todos da casa.

Charlie sempre queria comer algo que enchesse mais a sua barriga, algo mais do que sopa de repolho, algo como... chocolate.

Ele, sempre que ia para escola, era condenado a só ficar olhando as deliciosas barras de chocolate, sentir seu cheiro - por vezes, e ver outras crianças se deliciando com o doce - o que já era uma bela tortura. Charlie só ganhava uma barra de chocolate por ano, no dia do seu aniversário. Uma barra todinha dele. 

Charlie, morava na mesma cidade onde se encontrava a fábrica Wonka, a maior do mundo, o que era ainda mais torturante. 

A fábrica era um mistério. Sempre inovando, com seus doces diferentes - sorvetes que não derretiam e chicletes eternos. Depois de um tempo, o avô de Charlie contava, suas receitas começaram a ser roubadas e ele mandou todos os trabalhadores embora, fechando os portões da fábrica.

Mas um dia, a fábrica voltou a funcionar, só que ninguém via empregado algum. Ninguém entrava ou saía da fábrica, o que era incrível e intrigava todos os moradores da cidade. Mas este mistério estava para ser resolvido.

Willy Wonka, dono da Fábrica Wonka, abriria a porta para cinco felizardos que achassem os cupons dourados que estavam escondidos em alguma das barras. Ao ouvir isto, Charlie não pode desejar mais achar um destes cupons ou ter dinheiro para comprar chocolates.

Ganhou a barra de seu aniversário, e nada de cupons. Seu avô lhe deu uma moeda que havia escondido e, mais uma vez, nada de cupom dourado. 

Mas, quando Charlie acha um dinheirinho na rua e não encontra o dono... Seu primeiro pensamento? Comprar chocolate! E não é que foi o felizardo? 

Charlie passa a ser um dos cinco sortudos que vai visitar a famosa Fábrica Wonka e conhecer as mais diversas maluquices e os segredos do lugar.

O livro infantil  não poderia ser mais delicioso - literalmente! - de ler. A narração é rápida e flui muito bem,   num livro simples e divertido.

O número de páginas não é grande e, quando você assusta, o livro já chegou ao fim! Recomendo ele para todas as pessoas possíveis e, se vocês gostaram do filme, com certeza gostarão do livro.

15 comentários:

Daniela Tiemi disse...

Eu tb li Roald Dahl para o Desafio deste mês, mas o livro foi "Matilda"! Eu to louca para ler "A fantástica fábrica.." tb!! Bj.

Caroline Juliane Bonifácio disse...

Adorei o desafio .. este livro me parece ser muito bom mesmo ! hehe *-* adorei
Beijos
Carol {SobreUmLivro}

Thai disse...

Ohhh eu já vi os 2 filmes mas nunca gostei o suficiente para ler o livro; o primeiro filme sinceramente me irrritava... prefiro com o Depp. Eu estou num momento que compro livros de filmes que tiveram filmes a pouco tempo, comprei o box de Alice só que ainda não consegui ler. Beijos.

bibs disse...

eu também resenhei esse livro.
apaixonante né?!e tem continuação, Charlie e o elevador de vidro, tenho quase certeza que o nome é esse... vou ler também, deve ser tão bom quanto este
=]

Giovana Joris disse...

Uh! Você me deixou com uma super vontade de ler, Rachel! G_G Deve ser tão bom, o fime já é incível né, imagina só o livro, com certeza vou ter que ler agora! Fora que deve ser meio que... um clássico, digamos assim...

Adorei a resenha Chelzão, já sabe, né?
Beijos!
Gi Joris
http://ispirazione.org/journal

Hangover at 16 (contato) disse...

Eu adooooro o filme. Nunca tive oportunidade de ler o livro, mas quando der vou ler, aposto que é tão bom quanto o filme *-*

xx carol

Mayara disse...

ai que tudo!! nem sabia que tinha livro :) adoro demais o filme! mais pra frente procuro esse livro mesmo :)
resenhei o Linhas no meu blog, dá uma passadinha lá!!

@whosthanny disse...

O livro tem quantas páginas? Parece que o livro adaptou bem a história ára o cinema, deve ser uma delícia de se ler mesmo *-*
Adorei, Chel!

xoxo,
thanny in wonderland

Anônimo disse...

Nossa Chel!! Nem sabia que tinha esse livro também... rsrs
Concerteza deve ser excelente!

Beijos,
Lolly

Mii disse...

Aii Rach, se não fosse por você, eu nem saberia da existência desse livro.

Mas só pelo fato de não de o filme ser muito bom, e como você disse, não ter muitas mudanças no livro... CERTEZA QUE ME GANHOU!
Já está na minha listinha de livros!

Super beijo Meninas!

- Ao infinito... e além?-

Raphaela disse...

Eu assisti o filme e gostei, mas sei lá.. tem toda a produção cinematografica né? Já o livro acho que deve ser um pouco chato, apesar de vc falar que a leitura flui rapidamente e é divertido. hehehe

Beeijos

Kerlynha Maciel disse...

A-DO-REI a resenha!
O livro é sensacional, realmente uma ótima leitura!
Está de parabéns pelo blog! *-*

Bjos!

kerlynha Maciel do Deputamadre
http://kerlymaciel.blogspot.com/

Vivi disse...

Gente, também tenho uma vontade enorme de ler esse livro, principalmente, pelo gostinho bom de chocolate que parece nos fazer sentir. Ai, delícia!

Bjs

Claudia disse...

Gostei do post sobre o Abraham Lincoln, muito bom!Parabéns pelo blog.

Becky disse...

E ae

acabei de ler esse livro. É genial. =P
Se bem que Roald Dahl dá o seu quê de sinistrez a esse livro.. deve ser marca registrada!(já leu outros dele? o mais sinistro é James e o Pêssego Gigante.)

E concordo com vc, qdo vc percebe, já acabou o livro! isso é uma falha gravíssima! deveria ter folhas infinitas. enfim, adorei o blog! =p ta supimpa.

\oo

 
Design geral de: Rachel Lima | C�digos de Giovana Joris
|